Inova traz especialista em neuromarketing para palestra gratuita
janeiro 22, 2018
ESPM lança o curso “Tire sua startup da cabeça e comece a sonhar”
janeiro 23, 2018

WPP cria a Superunion, gigante de US$ 100 milhões

WPP cria a Superunion, gigante de US$ 100 milhões

Magia para empresa ganhar dinheiro urgenteO grupo WPP anunciou nesta terça-feira (23) o nome da empresa que unifica suas cinco redes globais de branding: Superunion. O movimento, que havia sido adiantado pela holding britânica em setembro do ano passado, agora tem seus detalhes revelados.

Agência em Santos – As redes Brand Union, The Partners, Lambie-Nairn, Addison Group e VBAT, juntas, têm 23 escritórios em 18 países, com 750 pessoas e faturamento anual de US$ 100 milhões. O CEO da Superunion será Jim Prior, enquanto Simon Bolton, até então CEO da Brand Union – a maior operação das cinco -, será chairman.

Empresa de PublicidadeNo Brasil, a Superunion estará presente como Epigram Superunion, integrando os escritórios da antiga Epigram Brand Union e a operação local da Lambie-Nairn. As outras três marcas de branding não têm escritório no Brasil, mas o trabalho dentro da Superunion será feito de maneira integrada. Tanto que a integração já resultou na conquista de Deloitte, que é cliente da The Partners, e na participação de uma concorrência de um cliente do setor de cervejas, já atendido pela VBAT. A conta de Telefônica, atendida pela Lamb-Nairn, também se integra ao portfólio da Superunion.

Anunciar na TV – O comando local será de Marcelo Bicudo, sócio e fundador da Epigram, agência comprada pela Brand Union em 2014. O executivo também integra o Leadership Board da empresa, que tem como principais clientes globais Aetna, Airbus, Bank of America Merrill Lynch, Colgate-Palmolive, Dell, Deloitte, Diageo, FIFA, Ford, IAG, Land Rover, Nestlé, Pfizer, Prudential, Tesco e Vodafone.

Projeto de Stands

Divulgação

Serviços Promocionais – “É um movimento contemporâneo, alinhado com as necessidades de nossos clientes que desejam interface com menos agências e oferta mais integrada. As cinco empresas têm expertises complementares, com a estratégia de ativação de marca da Brand Union e da The Partner, o conhecimento de embalagem e experiência de marca da VBay, a gestão contínua de marca da Lamb, o design e UX da Addison”, afirma Marcelo Bicudo. 

Serviços –  A integração, que ocorre desde o final de 2017, já resultou em ao menos um novo cliente para a Epigram Superunion: Deloitte, que está com a parceria VPartners. Também está em uma concorrência por uma empresa de bebidas já atendida pela VBat.“Não é uma integração que vise sinergia financeira e operacional, mas sim uma forma de somar expectativas e seguir atendendo bem aos clientes”, resume o executivo.

Rádio para clínicas – Parte do movimento de integração já foi possível há três anos, quando a Epigram foi adquirida pela Brand Union, unificando a oferta de retail e ativação de marca da empresa brasileira com o branding da parceira internacional.

Armazém para locação em Santos – Outra meta da Superunion integrada é crescer em novos negócios. “Queremos trabalhar para clientes globais que ainda não operamos no Brasil, incorporar novos serviços para quem já trabalhamos e trazem novos negócios”, diz Bicudo.

Propaganda em Santos – A empresa projeta crescimento de dois dígitos no Brasil, acima de 20% – considerando a fusão. Globalmente, a Brand Union representava a maior operação dentre as cinco que estão se juntando sob um faturamento total de US$ 100 milhões ao ano. A rede também possui 10 Leões em Cannes e prêmios em outros festivais como D&AD e Clio. A criatividade, portanto, é outra frente de interesse para a Superunion.

O post WPP cria a Superunion, gigante de US$ 100 milhões apareceu primeiro em Lima & Santana Propaganda.

Os comentários estão encerrados.